7 dicas de segurana para impedir que aplicativos roubem seus dados - Carlos Tutoriais

NOTICIAS

7 dicas de segurana para impedir que aplicativos roubem seus dados

7 dicas de segurana para impedir que aplicativos roubem seus dados

Você pode realmente confiar nos aplicativos do seu smartphone? Recentemente, pesquisadores descobriram que mais de mil aplicativos que “entravam nas regras” da Google Play Store, coletam dados mesmo depois que você negava as permissões. Esses aplicativos reuniem dados precisos de geolocalização e identificadores de telefone, sem o conhecimento dos proprietários. Isso é bastante assustador, pois mantemos muitos dados pessoais no smartphome, como nomes, datas, senha e informações de cartão de crédito, a localização e os lugares que você freqüenta e suas fotos pessoais.

Infelizmente, não há como saber se o aplicativo está rastreando você, mesmo quando você desativa as permissões, e nenhuma proteção é à prova de falhas no mundo atual. Um aplicativo que se comporta bem hoje pode se transformar em em uma ameaça, como em casos quando a empresa proprietária do aplicativo é vendida, muda de país ou for comprometida por causa de uma falha.

7 dicas de segurança para impedir que aplicativos roubem seus dados

Confira abaixo como proteger seus dados pessoais ao usar aplicativos. 

1. Use um gerenciador de senhas

As senhas mais fortes são combinações aleatórias de caracteres. Uma série de letras, números e símbolos sem nenhuma ordem particular é a menos provável de ser descoberta. A desvantagem é que essas senhas complexas são muito mais difíceis de lembrar.

É nessas horas que um aplicativo gerenciador de senhas é útil. Os gerenciadores de senhas mantêm todas as suas senhas em um aplicativo criptografado e protegido por senha. Eles também geram e lembram de senhas fortes. Embora aplicativos como o Google Chrome e o navegador da Samsung ofereçam-se para salvar senhas, os especialistas em segurança recomendam o gerenciador de senhas.

Também é melhor evitar o uso da mesma senha para várias contas. Se uma conta estiver comprometida em uma violação de dados, todas as contas serão comprometidas. Com um gerenciador de senhas, cada uma das suas contas pode ter uma senha diferente, complexa e difícil de violar. Alguns até gerarão senhas para você.

Recomendado: As melhores dicas para nunca mais esquecer a senha.

2. Use uma VPN

Se você for acessar uma rede Wi-Fi pública, em vez de usar seus dados móveis, use uma VPN, pois ela pode impedir que seus dados sejam rastreados por outras pessoas que estejam à espreita na mesma rede pública. A VPN também podem mascarar suas transmissões de dados, evitar filtragem e censura na internet e permitir que você acesse uma variedade maior de conteúdo em todo o mundo.

Ao procurar um provedor, é importante pesquisar a empresa para descobrir se ela é bem conhecida e confiável. A App Store e a Google Play Store têm dezenas de aplicativos de VPN gratuitos, mas alguns têm práticas questionáveis, portanto, tome cuidado.

Independentemente da frequência com que você planeja usar uma VPN, é importante ler o contrato de serviço para saber quais dados podem ser coletados e onde serão armazenados. 

Recomendado: Confira os 10 melhores serviços de VPN pagos e grátis.

3. Revogue as permissões de aplicativos

Verifique novamente quais permissões seus aplicativos solicita. Você também deve se perguntar se faz sentido para um aplicativo solicitar determinadas permissões. Um aplicativo pedindo acesso a dados que não são relevantes para sua função é um grande sinal de alerta.

Como remover as permissões de um app

 

  1. Abra as Configurações;
  2. Clique na opção Aplicativos e notificações;
  3. Clique no aplicativo que você deseja examinar;
  4. Clique em Permissões para ver tudo o que o aplicativo pode acessar;
  5. Para desativar uma permissão, toque nela e confirme.

 

Além de prestar atenção às permissões que você concede a um aplicativo, também é importante monitorar como ele se comporta depois de baixá-lo. Mudanças drásticas na duração da bateria do seu dispositivo são outra bandeira vermelha, já que aplicativos maliciosos podem ser executados constantemente em segundo plano. 

4. Pesquise a reputação do aplicativo

Embora você não saiba dizer se o aplicativo tem práticas duvidosas, uma pesquisa rápida no Google pode fornecer mais informações sobre o desenvolvedor e o app. Pesquise pelo nome do aplicativo e a expressão “fraude”. É sensato evitar um aplicativo se for o único que um desenvolvedor produziu, ou se o desenvolvedor foi responsável por qualquer outro aplicativo obscuro.

5. Limite sus informações em redes sociais

O escândalo de dados do Cambridge Analytica no Facebook colocou a privacidade da popular rede social em xeque. Mas mesmo quem não foi atingido ou mesmo nem tem um perfil no Facebook pode estar em risco de invasão de privacidade. 

É aconselhável limitar a quantidade de informações que você compartilha nas redes sociais, independentemente do que o site solicitar em seu perfil. Quanto mais informações você compartilhar, mais dados estarão disponíveis para serem roubados. Preencha apenas a quantidade mínima de informações necessárias. 

6. Atualize o sistema operacional

Dedicar tempo para atualizar o sistema operacional do seu smartphone é fundamental para manter seus dados seguros. As atualizações permitem que você fique um passo à frente dos hackers e das últimas explorações que estão disseminando pela Internet. Ajuste as configurações do seu dispositivo para que ele seja atualizado automaticamente.

7. Baixe apenas aplicativos da loja oficial

Nem todos os aplicativos da App Store ou da Google Play Store são 100% confiáveis, mas fazer o download apenas das lojas oficiais reduz o risco de baixar aplicativos suspeitos. Os aplicativos disponíveis nessas plataformas são examinados e devem term um padrão de qualidade em termos de proteção de dados, além de ter que produzir uma política de privacidade dedicada para você, informando como eles protegem seus dados.

Baixar apps de sites não oficiais aumenta o risco de infecção por ransomware, malware, spyware e trojan, e você corre riscos de um app controlado por um hacker acabar assumindo o controle total do seu smartphone.

Feito por Carlos tutoriais

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.